6 razões essenciais para investir na sua educação financeira

6 razões essenciais para investir na sua educação financeira

Se vemos a educação como fator transversal crítico para o sucesso em várias áreas da nossa vida, porque será que nem sempre encaramos a educação financeira como uma prioridade? Fazer escolhas financeiras e económicas mais acertadas está ao alcance de todos e não é necessariamente complexo ou desinteressante. Domine a gestão do seu dinheiro e procure ter o máximo possível de respostas para os desafios financeiros na ponta da língua.

Se há tema que tem sido largamente debatido nos últimos anos, e em especial desde o início da crise económica de 2008, é o da literacia financeira. Infelizmente, várias pesquisas indicam que a falta desta continua a ser um problema a nível mundial. Dados relativos às mulheres serem menos financeiramente instruídas (em média) do que os homens ou o facto de os jovens e idosos serem mais afetados pela iliteracia financeira continuam a inquietar e não serão os únicos exemplos preocupantes. Mas afinal o que é a literacia financeira? Porque é tão importante?

Literacia financeira: o que é?

Talvez lhe pareça um termo complexo mas é até bastante simples. A literacia financeira define-se como o conhecimento e a compreensão de conceitos financeiros que resultam na capacidade de tomar decisões informadas no que se refere à gestão do dinheiro. Melhorar atitudes financeiras, desenvolver hábitos de poupança e promover o acesso responsável ao crédito são, por exemplo, algumas das metas alcançáveis através do aumento da literacia financeira.

Se pensa que a educação financeira serve apenas para saber negociar melhor com intermediários financeiros ou interpretar notícias mais avançadas relacionadas com economia está enganado. O seu capital é da sua responsabilidade – e nada melhor do que ter o conhecimento suficiente para o poder administrar.

Quando falamos em literacia financeira estamos na verdade a falar de uma competência básica e fundamental que deve procurar desenvolver e estimular para gerir eficazmente as finanças pessoais. Trata-se, na realidade, de uma competência que faz de si um indivíduo financeiramente mais independente.

Razões para investir na educação financeira 

 

1. Há cada vez mais produtos/alternativas financeiras
O desenvolvimento económico e tecnológico tem feito com que surjam constantemente novos e por vezes mais complexos produtos financeiros. A literacia financeira dos consumidores deveria acompanhar este desenvolvimento – só assim será possível garantir que as escolhas feitas são as mais adequadas e conscientes. Saber o que é melhor para si em matéria financeira não é apenas um assunto para os especialistas que o procuram aconselhar.

2. Quanto mais cedo começar a poupar, mais preserva recursos para consumo futuro
Poupar é o primeiro passo para a segurança financeira, seja para ter um fundo de maneio em caso de necessidade a curto/médio prazo ou para assegurar futuro mais confortável – e as suas finanças pessoais agradecem esta disciplina. É fundamental procurar exercitar a poupança o mais cedo possível na nossa vida.

3. Conseguirá planear um futuro sustentável
É difícil querer preocupar-se com a reforma quando ela está tão distante, mas a verdade é que esta devia ser uma das suas prioridades. Estar ciente de que poupar não basta é crucial para ponderar dar um segundo passo e colocar o seu dinheiro a trabalhar para si, para garantir uma reforma financeiramente mais confortável.

4. Saberá definir com os especialistas o melhor plano de investimentos para si
O que não faltam são opções de rentabilização para o seu dinheiro. No entanto, nem todas as estratégias de investimento se adequam a todas as pessoas – cada indivíduo tem os seus próprios horizontes temporais, objetivos e tolerância ao risco. É fulcral não depender apenas do conhecimento do consultor de investimento quanto planeia a gestão do seu património.

5. Ficará mais descansado e confiante
Ninguém está mais preocupado que você com o destino do seu dinheiro. Para que consiga dormir sobre o assunto, é importante que tenha a consciência de que todas as decisões financeiras são inteligentes – e suas. A educação financeira dá-lhe a independência necessária que isto aconteça.

6. É um investimento para a vida
A educação financeira é um investimento que lhe traz dividendos durante o resto da sua vida, uma vez que saberá fazer escolhas acertadas e ponderadas de acordo com seu ciclo de vida e partilhará o seu conhecimento com as gerações vindouras, passando a ser também nesse campo um exemplo a seguir.

 

Como é a (i)literacia financeira em Portugal e no mundo?

Os resultados do último inquérito à Literacia financeira de 2015 indicam que, embora em Portugal a literacia financeira esteja a obter resultados cada vez mais positivos, ainda há um longo caminho a percorrer. Entre outros dados importantes, destacamos alguns:

  • Apenas 1 em cada 10 portugueses sabe explicar o que é a Euribor – uma das principais taxas de referência do mercado monetário da zona euro;
  • Cerca de 30% da população não planeia o seu orçamento familiar;
  • No que se refere a poupanças, 40% não poupa e apenas 60% seria capaz de fazer face a uma despesa inesperada e igual ao seu rendimento mensal;
  • 54% está pouco ou nada confiante no que se refere ao planeamento da reforma;
  • Cerca de 26% dos inquiridos não faz qualquer pesquisa antes de adquirir um produto financeiro aconselhado ao balcão;
  • Muitos são ainda os portugueses que optam por pagar parcialmente as dívidas do cartão de crédito (por oposição ao pagamento total de uma só vez);
  • Somente metade dos portugueses acompanha notícias sobre economia;
  • Só 40% percebe o efeito dos juros compostos num depósito a cinco anos;
  • 80% dos portugueses não sabe um que é um spread.

 

E se Portugal ainda tem caminho a trilhar no que diz respeito a educação financeira, a nível global também existem claras oportunidades de melhoria. Para contornar estas estatísticas, é essencial que não continue a deixar a matéria financeira para segundo plano.

 

O BiG pode ajudá-lo

Receba a nossa newsletter

Fique a par das últimas novidades do BiG e receba periodicamente os nossos conteúdos.